Buscar no site:
Homenagens e apresentação de clones com as novas tecnologias da CEPLAC/MAPA marcam o Dia Internacional do Cacau 2018

O Dia Internacional do Cacau 2018, realizado pela CEPLAC/MAPA no último dia 18 de setembro, foi marcado por homenagens e a apresentação de dois novos clones com as mais recentes tecnologias desenvolvidas pela Pesquisa e Extensão da CEPLAC a partir do incremento do cacau de alta produtividade. A comunidade produtora oriunda de diversos municípios da região lotou as dependências da CEPLAC e do auditório Hélio Reis no Cepec, localizado no Km 22 da Rodovia Ilhéus/Itabuna. 

 

Com os participantes sendo recepcionados ao som do Coral dos Servidores da CEPLAC, o evento foi aberto com a mensagem de otimismo e confiança, proferida pelo coordenador da Superintendência da CEPLAC para BA e ES, Carlos Alexandre Brandão, agradecendo o apoio dos servidores e parceiros na realização do evento e a participação efetiva dos produtores, empreendedores, estudantes e autoridades representativas. “O fortalecimento da cacauicultura e da região passa pela união dos diversos segmentos e por esse compartilhamento de experiências e conhecimentos entre nossos pesquisadores e extensionistas com os produtores e empreendedores ligadas à Cadeia Produtiva do Cacau”.

O encerramento do evento foi marcado pelo pronunciamento do Diretor da CEPLAC/MAPA, Juvenal Maynart, agradecendo e destacando a presença maciça da clase produtora, o que segundo ele, é consequência da confiança nos trabalhos desenvovidos pela CEPLAC junto aos diversos segmentos da cacauicultura.    

Desenvolvida a partir da temática central “CEPLAC em Ação” a programação cumpriu os objetivos de divulgar para os produtores e demais integrantes da cadeia produtiva do cacau as mais recentes informações tecnológicas que permitem o aumento da produtividade sustentável da lavoura cacaueira e a verticalização da produção.

 

Constou da apresentação de projetos exitosos da CEPLAC, realizada pelo chefe do Centro de Pesquisas do Cacau, José Marques Pereira, e o lançamento dos Clones CEPEC-2176 e CEPEC-2204, feita pelo pesquisador da CEPLAC, Uilson Vanderlei Lopes.

Durante a apresentação das ações exitosas da CEPLAC, foram destacados os projetos: Cacau de Alta Produtividade, dos Sistemas Agroflorestais com cacau e seringueira, consórcios e conservação ambiental, os avanços na prevenção e monitoramento da Monilíase do Cacaueiro, apicultura e ainda, capacitação profissional dos jovens empreendedores, produtores e trabalhadores rurais.

Nos estandes espalhados no saguão próximo ao auditório, os técnicos da CEPLAC disponibilizavam aos produtores participantes as mais recentes tecnologias através dos projetos que estão sendo desenvolvidos, a exemplo dos Cogumelos Comestíveis a partir da casca do cacau.

A programação teve ainda como evidência as tradicionais homenagens prestadas pela CEPLAC a produtores, jovem empreendedor e ao melhor produtor que fabrica chocolate, além de técnicos da CEPLAC, que se destacaram na realização das suas atividades e contribuíram para o desenvolvimento da cultura do cacau, tendo como referência sua alta produtividade.

Ao fazer a apresentação dos homenageados, o extensionista Roberto Setubal, ressaltou a qualidade dos trabalhos desenvolvidos por cada um deles, e a sua capacidade de interagir e multiplicar as tecnologias repassadas pelos extensionistas e pesquisadores da CEPLAC.   

O chefe do Centro de Pesquisas e Extensão da CEPLAC, Raul Renê Vale, ressaltou que os cacauicultores escolhidos criteriosamente como destaques, contribuem para incentivar aos demais. “Foram evidenciados principalmente os trabalhos focados na alta produtividade do cacaueiro”.

 

 

Dentre as inúmeras autoridades presentes ao evento, destacamos os seguintes pronunciamentos:  Milton Andrade (Representante dos Produtores), Leonardo Góes Silva (Presidente do INCRA), Geandro Ribeiro (SDR-Secretaria de Desenvolvimento Rural e Representante do Governo da Bahia), Alessandro Santana (Representante da UESC) e Daniel Piotto (Representante da UFSB).

Tivemos ainda como parte da programação a assinatura de um protocolo de intenção entre a CEPLAC e o INCRA, e de contratos de financiamento para agricultores da região cacaueira, assentados e assistidos pelas duas instituições.    

Produtores e servidores homenageados:

O escolhido como Cacauicultor do Ano e Destaque Alta Produtividade, foi o produtor Marcos Antonio de Melo, propietário da fazenda  reunidas Rio Doce, localizada no municipio de Canavieiras. “Me sinto bastante feliz em receber esse título da CEPLAC e quero dividir ele com toda a equipe de técnicos desse importante orgão, Dr. Milton Conceição, Ivan costa, Dr. Kazu, Josenilton  e outros colegas que tanto nos apoiaram”, declarou ele ao receber o seu troféu.

Sempre com sua propriedade aberta para visitações de produtores interessados em seguir suas práticas, Marco Antonio, segue confiante superando desafios e confiando nas orientações dos técnicos da CEPLAC. “Conseguimos nesse ano produzir 286 arrobas  de cacau por hectare e estamos em andamento com a meta de produzir 300 arrobas de cacau por hectare e para o próximo ano nosso desafio é trabalhar com polinização  manual, adubação  constante, produção  e fazer todas as práticas que o cacau precisa”. Ele finalizou aconselhando a todos que “confiem em Deus, em si próprio e ouçam e confiem nas orientações dos técnicos da CEPLAC”.

As irmãs Kayline Alves Pereira e Mikeline Alves Pereira, da Fazenda Boa Sorte, município de Dário Meira, foram selecionadas como Destaque Jovem Empreendedor Rural. “Tudo começou quando um técnico da CEPLAC nos convidou para participar do curso  e se interessamos bastante  e quando chegamos  nos imperessionamos bastante com muitas coisas  e o curso incentivou bastante os jovens  de Ipiaú  e a partir da  realização do curso ficamos direto  na fazenda dos meus pais”, explicou Kayline.

Mikeline enfatizou que “Essa iniciativa da CEPLAC é de grande importância para todos os jovens sendo homem ou mulher e isso  tem a probabilidade do jovem não deixar a propriedade rural dos seus pais  e se fizer tudo direitinho vai dar tudo certo e poderemos até orientar  os nossos pais e o  jovem pode tirar a sua sustentabilidade dali mesmo. Aconselhamos que não percam as oportunidades que a CEPLAC há muito tempo vem oferecendo para  os jovens da  nossa região cacaueira.”

Relação dos Produtores e Servidores homenageados:

 

 

Superintendência da CEPLAC/MAPA para BA e ES

Jornalista: José Carlos Peixoto

Reportagens: José Hamilton e Luis Fernando

Fotos: Águido Ferreira

Assessoria de Comunicação da Ceplac
Thursday, 9/20/2018