Buscar no site:
Excursão confirma sucesso do Programa de Produção de Cacau de Alta Produtividade

Uma excursão realizada à Fazenda Reunidas Rio Doce, na região de Oiticica, município de Canavieiras com a participação de vários produtores rurais, mostrou a eficiência da tecnologia que vem sendo experimentada pela CEPLAC/MAPA para obtenção de altas produtividades na cacauicultura.

Desenvolvendo esse conjunto de técnicas, sob orientação dos extensionistas ceplaqueanos Milton Conceição e Ivan Costa e Sousa, o proprietário Marcos Melo está obtendo um grande sucesso na produção de cacau, chegando a produzir em algumas quadras, mais de 200 arrobas por hectare.                        

O programa consiste na realização de todas as práticas do manejo integrado da cacauicultura, tais como: uso de clones autocompatíveis, roçagem química ou mecânica; adequação do sombreamento para permitir uma melhor luminosidade; desbrota em brotos novos (despiolhamento); adubação modular para alta produtividade, controle de pragas localizado, quando necessário, e de doenças; poda leve e contínua durante o ano e o rebaixamento de copas em clones, deixando à altura de 2,80 a 3 metros para facilitar o manejo e a prática da colheita com a tesoura de poda. Implementa ainda a polinização artificial das flores dos cacaueiros como um complemento para assegurar as altas produtividades.

O Programa foi iniciado em outubro de 2016, no Escritório da CEPLAC em Ilhéus, com um grupo de 15 produtores de vários municípios sul baianos e vem sendo desenvolvido pelos extensionistas Ivan Costa e Sousa, coordenador do grupo, Rosenilton Klecius e Josias Macedo, utilizando a metodologia de assistência técnica coletiva.

São feitas reuniões mensais entre os produtores e técnicos, visitas dos grupos às fazendas e o treinamento dos produtores e dos seus trabalhadores nas citadas técnicas, seguindo o calendário anual de práticas recomendado pela CEPLAC/MAPA.

O Programa já está sendo ampliado com a formação de mais dois grupos de produtores, sendo mais um em Ilhéus e um no município de Uruçuca, e vai alcançar uma grande área objetivando o soerguimento da lavoura cacaueira baiana.

 

Superintendência da CEPLAC/MAPA na Bahia

Jornalista: José Carlos Peixoto

Apoio: Jackson Prado

Assessoria de Comunicação da Ceplac
Monday, 9/4/2017