Comportamento no crescimento e na produção de clones de cacau provenientes de estaquia em um LATOSSOLO VERMELHO-AMARELO sob diferentes tamanhos de covas

Avaliou-se o comportamento no crescimento e na produção de dois clones de cacau (TSH-516 e TSH 1188) provenientes de estaquia, sob diferentes tamanhos de covas, implantados num Latossolo Vermelho-Amarelo Distrófico unidade Una, no Sul da Bahia. Os tratamentos empregados foram: covas de 20x20x20 cm; covas 20x20x30 cm; covas 30x30x30 cm; covas 30x30x40 cm; covas 40x40x40 cm e covas 40x40x50 cm, com doze plantas úteis por parcela de cada clone. Todos os tratamentos receberam 240 kg.ha-1 da fórmula 30-90-30; fracionados 25%, 50%, 75% e 100%, aos 2 meses, 12 meses, 24 meses e aos 36 meses após o transplante do cacau respectivamente. Aos 18 e 30 meses foi feita adubação complementar à base de nitrogênio (50% da dose de N). O delineamento experimental foi em blocos ao acaso com três repetições. Na fase juvenil (24 meses de idade), a avaliação dos cacaueiros foi feita na parte aérea: altura, diâmetro, número de lançamentos, comprimento do último lançamento e trocas gasosas. No sistema radicular das plantas foi avaliado, a matéria seca, número, diâmetro, comprimento e densidade de raízes.

Observa-se que covas com profundidade de 40 cm e/ou covas maiores de 40x40x40 cm promoveram maior crescimento da parte aérea (altura, diâmetro e comprimento de lançamentos) (P<0,05) nos clones TSH-516 e TSH-1188. O TSH-516 apresentou maior eficiência do uso de água quando plantado em covas com tamanhos de 30x30x40 cm. Por outro lado, o TSH-1188 evidenciou maior eficiência do uso de água em covas com tamanhos de 40X40X40 cm. Não houve respostas para as taxas de fotossíntese nos dois clones estudados. Em ambos os clones, 75% do sistema radicular (raízes de segunda e terceira ordem) localizam-se na profundidade de 0-20 cm. O clone TSH-1188 apresentou maior comprimento médio de extensão nas raízes de segunda ordem (247 cm) quando comparado com o clone TSH-516 (199 cm) ambos plantados em covas de 40x40x40 cm. O sistema radicular (raízes de segunda e terceira ordem) de ambos os clones não ultrapassou 80 cm de profundidade.

Na fase produtiva após 36 meses do transplante dos clones, foi avaliada a produção de cacau expressa em arrobas (@) de amêndoas de cacau seco por hectare, em ambos os clones de cacau (TSH-1188 e TSH-516), não se evidenciando diferenças significativas (P≤0,05) na produção de cacau devido aos tratamentos avaliados, no período de janeiro a dezembro de 2003, conforme visto no Quadro 3.

Quadro 1. Caracterização físico-químicas do solo LATOSSOLO VERMELHO-AMARELO unidade Una.

Profundidade

 

Granulométrica

A. gros  A. grossa    A. fina          Silte

 

Argila

Argila

Natural

Grau de Floculação

Densidade do solo

Úmida-

de

Porosidade

 

(cm)

>2-0,2 0,02-0,05 0,005-0,002

  (mm)    (mm)         (mm)

< 0,002

   (mm)

 

 

 

g/cm3

 

g/kg

 

m3/m3

 

-----------------------------g.kg-----------------------------

-----%------

 

 

 

0-20

     138             74             81 

705

24

96

1,20

289,6

54

20-40

      118            55             34

792

23

97

1,17

331,8

55

40-60

     105             60             74

760

1

99

0,95

316.4

61

Prof.

(cm)

pH

Al

 

H

Ca

Mg

Ca+Mg

K

S

T

V

N

C

P

Fe

Zn

Cu

Mn

 

H2O

--------------------------cmolc.dm3 -------------------

---%--

---g.kg-1----

-----------mg.dm3 ----------

0-20

6,3

0,0

6,1

6,8

3,9

10,7

0,22

10,92

17,02

64

2,08

2,24

1

61

6

1

7

20-40

5,7

0,1

5,2

2,6

1,6

4,2

0,07

4,27

9,47

45

1,05

12,0

0

50

3

1

1

40-60

5,3

0,2

4,5

1,9

1,4

3,3

0,05

3.35

7,85

42

0,81

10,4

0

43

2

1

1

Quadro 2. Altura e diâmetro do ramo principal, comprimento de lançamento, número de lançamentos, fotossíntese e da eficiência de uso da água aos 24 meses de idade sob diferentes tamanhos de covas (médias de três repetições).

 

N0 Tratamentos

Altura

 

 

(cm)

Diâmetro

 

 

(cm)

Comprimento do lançamento

(cm)

Número

de lançamento

(unidade)

  Pn

EUA

TSH-516

1. 20X20X20 cm

 87,7 b

1,27 b

11,4   d

5,33 a

 6,52 a

 5,49 b

2. 20X20X30 cm

 92,0 b

2,37 a b

16,5  c d

5,00 a

 6,41 a

 5,24 b

3.30X30X30 cm

 85,0 b

2,29 a b

20,4 a b

5,00 a

 7,67 a

 6,26 b

4.30X30X40 cm

146,7 a b

2,50 a b

15,4  c d

3,67 a

 7,91 a

 6,51 a

5.40X40X40 cm

181,7 a

2,85 a

21,5 a

4,33 a

 6,81 a

 6,31 a b

6. 40X40X50 cm

171,3 a

3,50 a

23,7 a

5,33 a

 7,50 a

 6,24 a b

TSH-1188

1. 20X20X20 cm

111,7 c

2,78 a

13,7  c

6,00 a

6,87 a

5,22 b

2. 20X20X30 cm

125,0 b c

2,84 a

17,3 b c

5,33 a

7,23 a

5,23 b

3.30X30X30 cm

148,3 a b

3,47 a

21,6 a b

6,00 a

6,76 a

3,85  c

4.30X30X40 cm

153,0 a b

3,35 a

24,7 a

5,67 a

7,36 a

5,96 a b

5.40X40X40 cm

158,7 a

3,21 a

26,2 a

5,00 a

8,54 a

6,67 a

6. 40X40X50 cm

150,0 a b

2,95 a

25,5 a

5,67 a

7,62 a

5,99 a b

TSH-516 C.V (%)

27,4

28,78

16,21

29,01

14,57

10,17

TSH-1188 C.V (%)

11,81

14,40

20,72

16,48

14,41

11,61

Médias seguidas pelas mesmas letras dentro das colunas, não diferem estatisticamente pelo teste de Duncan

                                


                                                                           

 

                                              

 


                                                                                      

 

 

 

 

                                               

Figura 1. Influência de diferentes tamanhos de covas na densidade, produção de matéria seca e no comprimento de raízes em dois clones de cacau (TSH-516 e TSH-1188).

Quadro 3 - Produção de amêndoas de cacau seco, expressas em arrobas por hectare, provenientes do efeito de diferentes tamanhos de covas nos clones de cacau TSH-516 e TSH-1188 plantados em um LATOSSOLO VERMELHO-AMARELO unidade Una. (Média de 3 repetições).

 

N0  TRATAMENTOS

PRODUÇÃO MÉDIAS

janeiro a dezembro de 2003

Arrobas ( @ ) ha-1

CLONE – TSH - 516

1.    20X20X20 cm

34,2  a

2.    20X20X30 cm

32,0  a

3.    30X30X30 cm

27,8  a

4.    30X30X40 cm

23,5  a

5.    40X40X40 cm

21,3  a

6.    40X40X50 cm

14,1  a

CLONE – TSH -1188

1.    20X20X20 cm

38,8  a

2.    20X20X30 cm

36,5  a

3.    30X30X30 cm

31,2  a

4.    30X30X40 cm

27,6  a

5.    40X40X40 cm

27,1  a

6.    40X40X50 cm

23,2  a

TSH-516 C.V (%)

67,0 

TSH-1188 C.V (%)

42,7

Médias seguidas pelas mesmas letras dentro das colunas, não diferem estatisticamente pelo teste de Duncan.

 

Rafael Edgardo CHEPOTE
CEPLAC- Centro de Pesquisas do Cacau (CEPEC) - SENUP